Anvisa cria cartilha para combater automedicação

www.remediocerto.com.br

02/7/2010

NO ENTANTO... Pará não recebeu material e Sespa sequer conhece a publicação

YASKARA CAVALCANTE
Da Redação

Os perigos da automedicação e do uso indevido de remédios ganham uma nova arma: a cartilha "O que devemos saber sobre medicamentos", lançada na última sexta-feira (2) pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária(Anvisa) com o objetivo de esclarecer as principais dúvidas dos consumidores brasileiros quanto ao uso de medicamentos e de fazer com que esses produtos sejam consumidos de forma racional e segura. Contudo, a publicação ainda não chegou ao Pará, onde o Departamento de Vigilância Sanitária (Devisa) da Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), nem tem conhecimento sobre o assunto.

De grande importância para toda a sociedade, já que apresenta orientações sobre a leitura de bulas, cuidados que os usuários devem ter ao ingerir qualquer medicamento e até mesmo preços e os mais distintos tipos de remédios, a publicação está disponível no site do Ministério da Saúde, onde é possível baixar o arquivo completo do material. A iniciativa faz parte do Programa de Melhoria do Processo de Regulamentação da Anvisa, que fará a divulgação junto aos órgãos de vigilância sanitária estaduais e municipais e por entidades de defesa do consumidor.

Coordenada pelo diretor-presidente da Anvisa, Dirceu Raposo de Mello, a cartilha esclarece, por exemplo, o que são medicamentos genéricos, referentes e similares, assim como as diferenças entre um remédio fitoterápico e um biológico. Os cuidados que o consumidor deve ter ao ingerir chás naturais também são mostrados. E até como deve ser preenchida a receita médica.

Fonte: Anvisa

Link: http://www.orm.com.br/oliberal/interna/default.asp?modulo=247&codigo=478995

Sem votos