Diarréia

Diarréia são fezes amolecidas ou aquosas, geralmente acompanhada pelo maior número de evacuações.

Tudo sobre diarréia

Diarréia ocorre quando aumenta a proporção de água contida nas fezes, o que aumenta o peso fecal diário eliminado para mais que 250 g.

A urgência para ir ao banheiro, a incapacidade de segurar as fezes ou as múltiplas evacuações podem ser estar associadas à diarréia, mas não são necessariamente sinônimos, pois podem acontecer com a consistência fecal normal.

A diarréia aguda tem início súbito e duração menor que três semanas, na grande maioria das vezes, apresenta melhora em menos de três a cinco dias.

A diarréia crônica ocorre por um período maior que 3 a 4 semanas.

Causas da diarréia

Os intestinos são responsáveis por absorver os alimentos e líquidos ingeridos e também aqueles produzidos pelo próprio trato digestivo. Do total produzido, até 9 litros por dia, os intestinos reabsorvem tudo, exceto 100 a 200 ml eliminados com as fezes.

As causas de diarréias são numerosas, variando entre as diarréias agudas e crônicas. Mas todas as causas alteram o funcionamento intestinal, causando aumento do volume de água nas fezes

Causas da diarréia aguda

  • A maior parte das diarréias agudas é causada por vírus, bactérias ou parasitas.
  • Além destes agentes infecciosos, certas substâncias alteram a absorção e/ou a secreção intestinal, como vários laxantes ou efeitos adversos de medicamentos, causando diarréia.
  • O uso de diversos antibióticos pode levar à alteração flora intestinal resultando em diarréias.

Causas da diarréia crônica

  • Falta de lactase, enzima que digere o leite;
  • Doença de Crohn e Retocolite Ulcerativa são inflamações intestinais causadoras de diarréias crônicas;
  • Infecções ou parasitoses intestinais;
  • Linfoma e câncer intestinal;
  • AIDS;
  • Doença celíaca;
  • Síndrome do Intestino Irritável;
  • Medicamentos podem levar a diarréia crônica quando seu uso for prolongado ou contínuo como quinidina, colchicina, cimetidina, antiinflamatórios não esteróides, antibióticos, tamsulosina, lactulose, antiácidos, laxantes e muitos outros. Algumas drogas para quimioterapia anti-câncer como o metotrexate, a 6-mercaptopurina e o 5-fluorouracil podem levar a problema semelhante.
  • Álcool, principalmente o uso abusivo;
  • Enterites Actínicas, secundárias à radioterapia;
  • Isquemia intestinal crônica (insuficiência de irrigação sangüínea arterial);
  • Problemas hormonais como hipertireoidismo.

Diagnóstico da diarréia

O diagnóstico da diarréia envolve a identificação da causa, mas em diarréias agudas esta medida geralmente é desnecessária tendo em vista o quadro auto-limitado.

Em diarréias crônicas pode ser necessária uma investigação detalhada, que lança mão de exames complementares, tais como:

  • Hemograma,
  • Exame de fezes,
  • Cultura de fezes,
  • Endoscopias digestivas,
  • Biópsias intestinais e outros exames.

Tratamento da diarréia aguda

A maior parte das diarréias agudas tem resolução espontânea em poucos dias, bastando que o indivíduo mantenha-se hidratado.

Pessoas com diarréia sanguinolenta, febre alta ou comprometimento importante do estado geral devem buscar o médico, sob risco de agravar o quadro e complicar a saúde.

Pessoas idosas e crianças também devem receber tratamento médico para evitar complicações.

Algumas medidas ajudam a aliviar o quadro e potencializar a melhora:

  • Evitar alimentos gordurosos, ricos em fibras, leite e derivados, café e álcool.
  • Dar preferência para refeições leves, em pequenas quantidades e maior freqüência, além de grande quantidade de líquidos em forma de água, sucos, chás ou sopas.
  • Medicamentos antidiarréicos que diminuem a freqüência das evacuações e que aumentam a consistência das fezes somente devem ser usados sob orientação médica.
  • Antibióticos ou antiparasitários também devem ser prescritos somente pelo médico dependendo da necessidade de cada caso.

Tratamento da diarréia crônica

O tratamento da diarréia crônica envolve as recomendações acima, mas principalmente está baseada na identificação da causa.

Average: 4.2 (18 votes)