Complicações agudas do diabetes

 

As complicações agudas mais relacionadas ao diabetes são a hipoglicemia (glicose baixa) e a hiperglicemia (glicose alta) e suas conseqüências.

O que é hipoglicemia?

Hipoglicemia significa baixo nível de glicose no sangue. Quando a glicemia está abaixo de 70 mg/dl podem ocorrer vários sintomas. Em casos de ocorrência de hipoglicemia, sempre informe seu médico a respeito disto, para se ter uma melhor prevenção e melhor tratamento nestes casos.

Sintomas da hipoglicemia:

  • Suor exagerado, tremores finos ou grosseiros de extremidades, nervosismo,
  • Sensação de fome aguda,
  • Dificuldade para raciocinar, irritabilidade, confusão mental, sonolência,
  • Sensação de fraqueza com um cansaço muito grande,
  • Tontura, dores de cabeça, visão turva,
  • Em casos mais graves podem ocorrer convulsões e até mesmo estado de coma.

É importante que os amigos, parentes e professores da pessoa com diabetes saibam que ela está em uso de insulina ou de antidiabéticos orais, além de conhecer os sintomas da hipoglicemia. Assim, já poderão fazer o diagnóstico de hipoglicemia e iniciar medidas práticas para elevação da glicose.

Causas que favorecem o aparecimento da hipoglicemia:

  • Doses excessivas de insulina ou de antidiabéticos orais;
  • Atraso em se alimentar;
  • Muito exercício físico sem controle ou monitorização adequada da glicemia;
  • Consumo excessivo de bebidas alcoólicas.

O que fazer em casos de hipoglicemia?

Sempre carregue com você alguma forma de açúcar (balas e doces) e coma assim que você sentir os sintomas de hipoglicemia (se você tiver um aparelho portátil para medir a glicose e de fácil acesso, dose sua glicemia antes para melhor confirmação da hipoglicemia).

A depender da intensidade dos sintomas, você pode ainda:

  • Tomar meio copo d’água com duas colheres de sopa de açúcar,
  • Tomar meio copo de suco de qualquer fruta,
  • Tomar meio copo de refrigerante não dietético,
  • Tomar um copo de leite,
  • Comer uma a duas colheres de sobremesa de açúcar ou mel.

Se após 15 minutos os sintomas de hipoglicemia ainda persistirem, tome mais uma porção dos alimentos ou bebidas listados logo acima.

Se estiver na hora de uma refeição, coma a fruta ou beba o suco primeiro, depois coma o resto de sua refeição.

Casos severos de hipoglicemia podem causar perda da consciência, convulsões ou estado de coma. Nestes casos, quem estiver por perto do paciente deve acionar um serviço médico de emergência imediatamente.

Pergunte ao seu médico com relação a injeções de glucagon. A aplicação é subcutânea. Glucagon é um hormônio que promove rápida elevação da glicose sanguínea, e pode ser de muita valia em casos severos de hipoglicemia, onde o paciente perde a consciência e não tem condições de se alimentar para repor a glicose.

O que é hiperglicemia?

Hiperglicemia corresponde à elevação das taxas de glicose no sangue. A depender do nível de glicose observado, o paciente pode apresentar vários sintomas.

Algumas doenças infecciosas como gripes, amigdalites, pneumonias e infecções urinárias podem levar a uma descompensação do tratamento de um paciente com diabetes, levando a hiperglicemia e suas complicações.

Outros fatores que podem levar a uma descompensação do controle do diabetes estão relacionados ao uso inadequado de medicações, dietas muito calóricas e a desidratação.

Sintomas da hiperglicemia:

  • Muita sede e às vezes fome também,
  • Pele seca, boca seca, desidratação,
  • Visão borrada ou turvação visual,
  • Fadiga ou cansaço,
  • Perda de peso.

Se não tratada a tempo, a hiperglicemia pode levar à desidratação intensa, náuseas, vômitos, sonolência, dificuldades para respirar e até mesmo ao coma.

O que fazer em caso de hiperglicemia?

Nestes casos, procure um médico ou um serviço de saúde mais próximo para um diagnóstico e tratamento adequados.

Average: 4.2 (24 votes)